quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Meus versos sofridos

Como estou fazendo as provas do quarto bimestre (férias!) e me falta tempo para escrever, eu resolvi arranjar uns minutinhos e postar uns versos sem graça, hehe que tenho anotado há um tempo considerável. Não notem a simplicidade, gente! Sou péssima com rimas, passo horas para escrever quatro versinhos.


Todos meus sonhos perdidos
Estão a me esperar
Em lugares escondidos
Para que eu possa os achar


 



Tenho em mente a verdade
Que paira no meu coração
Encontrada seja a felicidade
Na letra de cada canção
(e o sentido disso? Cadê?)
Real possa ser sua utopia
Num mundo cheio de desilusão
Viva na sua magia
E veja o mundo com o coração






A vida é singela:
com beijos azuis,
poses amarelas
e abraços cor-de-rosa...

5 comentários:

  1. Então um beijo arco-íris em VC

    ResponderExcluir
  2. ''Encontrada seja a felicidade
    Na letra de cada canção''

    O sentido eu te respondo onde está, está onde encontramos a felicidade, nas coisas simples como uma canção.

    Obrigada pelo carinho querida, abraços.

    ResponderExcluir
  3. Adorei esses versinhos, são doces, lindos, amei demais!

    ResponderExcluir
  4. Oiiiiii, Lu...

    Eu vibro quando vejo alguém versejando assim!!!
    Tem que continuar, tem que postar...
    Vc tem uma alma colorida de sonhos e inspiração...
    Vejo em ti uma linda poetisa.

    Bjs, com carinho... ótima semana e que as férias cheguem logo! =*

    ResponderExcluir
  5. aaaaah, eu axei LIN-DO , amei

    beeijinhos e vê se não demora pra postar u.u

    ResponderExcluir